Sustentabilidade: Desafiando paradigmas para um novo mundo

joel open house 2013-12“Rodrigo tinha notado que sua esposa, Natália, cada vez que assava um peru cortava a pata direita do mesmo antes de colocar a forma no forno. Rodrigo viu este procedimento ser realizado várias vezes pela esposa sem conseguir descobrir o motivo, então decidiu perguntar-lhe:

– Nati, percebi que cada vez que prepara um peru, antes de colocá-lo no forno, você corta a perna direita do mesmo. Tentei descobrir por que você faz isso, porem não consigo imaginar o motivo – disse Rodrigo amorosamente.

– Ahhh… simples, amor – disse Natalia pronta para explicar o segredo – cortar a pata direita do peru antes de coloca-lo no forno é forma correta de se assar um peru. Se eu deixar a pata direita, o peru não ficará corretamente assado – ela falou com ar de grandeza.

– Não faz o mínimo sentido isso Natália – afirmou Rodrigo confuso.

Sustentabilidade: inscrições para cursos gratuitos

397_00Os cursos gratuitos de sustentabilidade promovidos pelo Walmart e pela FGV Online estão com inscrições abertas.

Dividido em três módulos, com dez horas de carga horária, o treinamento online tem como objetivo proporcionar entendimento dos desafios e oportunidades trazidos pela sustentabilidade para o mundo dos negócios. São apresentadas mudanças na estratégia e nas operações que viabilizam diferenciais competitivos, para a sala de aula e para o dia a dia.

Por que o programa de compostagem de Nova York será exitoso?

Este artigo é continuação de artigo “Nova York adota a compostagem para tratar seus resíduos” (ver mais clicando aqui).

Composting_5_2010Planejamento para descartar os resíduos da minha cozinha? Os restos de meus alimentos podem ter um impacto ambiental a nível global? Sim é a resposta para essas perguntas.

A uns dias publiquei uma matéria comentando sobre o programa de compostagem que o Prefeito de Nova York, Bloomberg, anunciou.

Com o lançamento do programa de compostagem de resíduos orgânicos urbanos do prefeito Bloomberg, inicialmente voluntário nos cinco distritos de Nova York, os moradores da cidade vão ser capazes de transformar os seus restos de comida em adubo.

O composto, formado em parte de matéria orgânica e outros nutrientes, é utilizado para fertilizar diferentes tipos de solos. Desta forma, o adubo fertiliza e nutre as plantas para produzir melhores resultados e preservar os ecossistemas.

Manual de etiqueta reúne dicas de sustentabilidade


Informativo e envolvente, o quinto Manual de Etiqueta do Planeta Sustentável traz dez listas com 99 ideias simples e práticas para um dia a dia sustentável.

size_590_Manual_de_etiqueta_reúne_dicas_de_sustentabilidade

São Paulo – O novo Manual de Etiqueta do Planeta Sustentável – guia anual de dicas para o bem-estar seu e do planeta – é um caderno de ilustrações-informações, didático, divertido e útil.

Nesta nova e quinta edição, a aposta é em listas, simples e práticas, para você consultar e ter um dia a dia mais sustentável. Traz, por exemplo: 14 coisas que não devem ser jogados na privada; 11 coisas boas de colocar no carrinho do mercado; 7 atitudes para conviver melhor com o vizinho. Por que um Manual em forma de listas? Elas são divertidas. São fáceis de ler. Ajudam na organização. Não são definitivas. Muito pelo contrário: é provável que você se lembre de algo que faltou. O que é bom.

Massachusetts proíbe a geração de resíduos de alimentos

O secretario do Gabinete de Energia e Meio Ambiente (EEA) do Massachusetts, Rick Sullivan, no dia 10 de julho anunciou a já esperada proibição de eliminar o destino para aterros dos resíduos de alimentos comerciais juntamente com o financiamento para apoiar a valorização destes resíduos. Segundo Sullivan esta medida contribui para alcançar metas de eliminar o uso de aterros sanitários e seus impactos no meio ambiente, aumentando o compromisso de valorização de resíduos, geração de emprego e redução das emissões de gases de efeito estufa. A medida entra em vigor no 1° de Julho de 2014, e exige que qualquer estabelecimento que tenha uma geração de pelo menos uma tonelada de resíduo orgânico de alimentos por semana seja enviando para uma unidade de valorização de resíduos como por exemplo geração de biogás, usina de compostagem ou para elaboração de ração animal. O desperdício de alimentos residenciais não está incluído na proibição atualmente. Para explorar a valorização de resíduos orgânicos o governo disponibilizou empréstimos $3 milhões de dólares a juros baixos disponíveis para empresas privadas para a implantação de projetos.

%d blogueiros gostam disto: