Realizamos o Projeto Piloto de Compostagem na cidade de Mogi Mirim, onde trabalhamos desde a INAMBI com nossos parceiros coordenando o projeto com a intenção de desenvolver um modelo referencial de gerenciamento de resíduos orgânicos para as 5500 cidades do Brasil, como uma experiência brasileira para brasileiros.

Após o fechamento do projeto sabemos que podemos aplicar a Política Nacional de Resíduos Sólidos, Lei Federal 12.305/2010 e o Decreto 7404/2010, nos Planos de Gerenciamento de Resíduos Sólidos Urbanos, possibilitando a reciclagem dos resíduos orgânicos (51% do total de RSU gerado no Brasil), transformando-os em adubo que pode ser usado na agricultura. A compostagem assim se apresenta como uma tecnologia alternativa de aplicação universal e baixo custo, com benefícios ambientais superiores aos aterros sanitários ou outras tecnologias disponíveis.

Os resultados obtidos foram muito alem dos esperados, especialmente quando comparados com resultados de projetos semelhantes na Europa ou outros países do mundo. Este, pioneiro em sua natureza na América do Sul, não só pode ser aplicado no Brasil, e sim em toda América Latina.

Estamos sendo atualmente consultados por varias prefeituras do Brasil, Argentina e outros países, assim como empresas que tem interesse em conhecer a metodologia de compostagem usada, desenvolvida pela IN.AMBI e aplicada com sucesso pelos nossos parceiros, assim como o saco compostável da BASF, ecovio, o qual possibilitou a coleta dos resíduos orgânicos.

Assista o vídeo, comente-o e divulgue-o, para que esta experiência feita no Brasil, com estilo brasileiro e com resultados incríveis sejam conhecidos em todo o pais.

Marcos Alejandro Badra

2 comentários

  1. Me alegra ver que un proyecto exitoso que hace escalable el reciclaje / reutilización de residuos orgánicos mediante el compostaje, un bien pensado proyecto y inteligente aplicacion con el asesoramiento de Marcos Badra. Muy buena idea de desarrolar la tecnología de una bolsa biodegradable y fácilmente identificable en la recogida selectiva, somado a proyecto de educación ambiental y la combinación de la logística con todas las partes interesadas en la gestión (población generadora, fabricantes de tecnologías, el tratamiento y las empresas de reciclaje) … excelente! Me gustaría participar en proyectos de este tamaño y con esta técnica y capacitación especialmente sostenible y responsable! Felicitaciones Marcos, BASF, Romapack, VisaFértil y poblacion de Mogi-Mirim! att. Eng. Sergio Garrido Sansusty

Comentários

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: